quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

Poesia 11: Complicadice


Guardo um segredo,
Revelar apenas as bordas:
As sombras da imensidão,
Dos mistérios de coisas ínfimas,
Meus dois mil desatinos
E alguns desafetos.
Ser um sujeito normal
Na minha esquisitice.
E desfazer as certezas em mais mistérios,
Pra assim guardar,
Dentro de mim
Um mundo.


Vancarder
11/02/99

Nenhum comentário:

Postar um comentário