domingo, 13 de março de 2011

Funeral Blues - Quatro Casamentos e um Funeral (1994)


Homenagem a uma grande amiga, que vive nesse exato momento e com toda intesidade a força da inexorabilidade da ação do Tempo sobre todos. Quisera poder fazer mais, quisera ter algum poder para mudar algo. Mas silencio resignado. Somo frágeis, negamos ou simplesmente não pensamos no fato que o tempo passa e cobra sua passagem, pra poder tocar a vida. Só nos resta temos que esperar que o tempo faça as coisas seguirem pra algum lugar e de algum modo. O destino é um Coringa que só o Tempo possui.

Segue o vídeo de "Quatro Casamento e um Funeral", filme de Mike Newell, trecho no qual Matthew (John Hannah) declama o poema "Funeral Blues" (1938) de H. W. Auden.

Nenhum comentário:

Postar um comentário