sábado, 23 de janeiro de 2016

Papalo e Gutemberg - Incelença para terra que o Sol matou (Elomar Figueira Mello)



Nesse blog, mais uma amostra encantada da poesia e musicalidade única do grande mestre Elomar.

Incelença para Terra que o Sol Matou é primeira faixa do álbum Fantasia Leiga para um Rio Seco (1981).



O vídeo é uma gravação feita nas varandas da Casa dos Carneiros, Vitória da Conquista, nas beiras do Rio Gavião, sertão da Bahia.

Maravilhosa interpretação de Papalo e Gutemberg, sob os olhares atentos e aprovação clara do Mestre Elomar e, mais importante, do povo sertanejo das redondezas, que com suas histórias e lendas são coparticipes de toda sua poesia.

Os tempos e espaços da música e de sonhos de um sertão mítico e encantado da luta pela vida. Uma amostra da paixão pela terra, da dor pela perda, do apego à esperança, no limiar da fé.

O grande menestrel deu o ar de sua graça por aqui novamente em João Pessoa-PB nesse dia 22/01/16. De forma rara, breve (e eterna) para alegria dos corações que sentem sua música em si para sempre.

Um agradecimento sincero de todas as alegrias que tive ouvindo suas belas canções. E pelo tanto que sei ainda ter que aprender a sentir com elas.

Nosso muito obrigado ao Bode Orelena, que tenha uma vida longa e feliz.   


Fonte e créditos pela foto: Porteira Oficial de Elomar



Nenhum comentário:

Postar um comentário